Final do Campeonato Mineiro será em Varginha, confirma federação

0 comentários


(24/04/2015) A Federação Mineira de Futebol e a diretoria da Caldense confirmaram na tarde desta quinta-feira (23) que o jogo de volta da final do Campeonato Mineiro, contra o Atlético, no dia 3 de maio, será realizada no Estádio Municipal de Varginha, a 160 quilômetros de Poços de Caldas. O time terá que jogar fora da cidade de origem porque o Corpo de Bombeiros não aprovou as arquibancadas móveis construídas no estádio local, o Ronaldão.

Como o estádio da Caldense não tem a capacidade mínima exigida pela Federação Mineira de Futebol (FMF) para a realização do jogo da final, que é de 10 mil lugares, a Veterena precisou indicar outro local para a realização da partida. A equipe indicou o Estádio Melão, em Varginha, atualmente com capacidade para cerca de 15 mil torcedores, para receber o confronto.

Atualmente o Estádio Ronaldo Junqueira, o Ronaldão, em Poços de Caldas, tem capacidade máxima para 7,6 mil torcedores. A lotação mínima exigida pela Federação Mineira de Futebol (FMF) para os jogos das finais é de 10 mil pessoas. Segundo Alex Joaquim, gerente de futebol de Caldense, a partida também não poderia acontecer no Mineirão, em Belo Horizonte (MG), pois seria caracterizada a inversão do mando de campo,  proibida pela CBF. Com isso, não restou a Caldense outra opção senão jogar no interior.

A primeira partida da final acontece neste domingo (26), às 16h, no Mineirão, em Belo  Horizonte. A segunda partida está marcada para o domingo (3), também às 16h, em Varginha.

Mais de 800 eleitores poderão ter título cancelado em Varginha

0 comentários


(24/04/2015) Em Varginha e Carmo da Cachoeira, 822 eleitores podem ter seus títulos de eleitor cancelados porque não votaram e nem justificaram a ausência nos últimos três pleitos eleitorais. O prazo final para a regularização é 4 de maio. Em Minas Gerais 155.398 eleitores são considerados faltosos.

Segundo informações do Chefe do Cartório Eleitoral de Varginha, Raimundo Nonato Silva, nesta situação estão 752 eleitores em Varginha, e 70 em Carmo da Cachoeira. As duas cidades compõem a 281ª Zona Eleitoral.

Para regularizar a situação, o eleitor deve comparecer ao cartório até 4 de maio levando documento oficial de identidade com foto, título eleitoral e comprovante de residência. Quem não o fizer nesse período está sujeito a ter o título cancelado, além de não poder ser candidato a cargo eletivo, não poder tirar passaporte, não poder ser empossado em cargo púbico e nem se matricular em instituição de ensino público.

Se um eleitor deixou de votar no primeiro e no segundo turno de uma mesma eleição, já serão contadas duas eleições para efeito de cancelamento. Além disso, poderão ser contadas faltas a eleições municipais, eleições suplementares e referendos. Não serão computadas as eleições que tiverem sido anuladas por determinação da Justiça. Os eleitores no exercício do voto facultativo – com 16 e 17 anos, maiores de 70 anos e analfabetos – não serão identificados como faltosos e não estão passíveis de cancelamento. As pessoas com deficiência para as quais o cumprimento das obrigações eleitorais seja impossível ou extremamente oneroso também não terão o título cancelado.

O maior número de eleitores em situação irregular em Minas Gerais está em Belo Horizonte: dos 22.611 – 1,2% do eleitorado da Capital –, 449 já estão quites. Em seguida estão Uberlândia (113 regularizações de um total de 6.733) e Juiz de Fora, com 107 regularizações entre 6.254 nessa condição.

A consulta à situação do título poderá ser feita no site do TRE em “Eleitor/ Situação eleitoral”.  A relação das inscrições passíveis de cancelamento também está disponível nos cartórios eleitorais para consulta. Em Varginha, o Cartório Eleitoral fica no Fórum, na Rua Colômbia, 100, Vila Pinto. O telefone é 3222-2800.

A Justiça Eleitoral ressalta que não será expedido qualquer tipo de notificação ao eleitor, seja de forma impressa (correspondência) ou eletrônica (e-mail), sobre a situação do título. As regras desse procedimento de regularização estão previstas na Resolução do TSE nº 23.419/2014.

Projeto Entre Elas: autoestima feminina é tema de palestra

0 comentários


(24/04/2015) Com o tema “Autoestima e suas interfaces”, as psicólogas Luciana Chiste e Renata Esper participam do Projeto Entre Elas, organizado pela Associação Comercial e Industrial de Varginha (ACIV) e Câmara da Mulher Empreendedora de Varginha (CMEV).  O objetivo da palestra é trabalhar o conceito de autoestima feminina, contextualizar os desafios da vida moderna e vivenciar o tema através de dinâmicas e reflexões.

Além da palestra, haverá uma apresentação de profissionais do segmento da beleza. A importância dos cuidados com a sobrancelha, maquiagem para o dia a dia e dicas práticas para os cuidados com os cabelos estão entre os assuntos que serão abordados. 

Participar da palestra é fácil: basta se inscrever pelo telefone 3219-3350. O Projeto Entre Elas é gratuito é irá acontecer no dia 29 de abril, às 19h, no auditório da ACIV, na Rua Presidente Antônio Carlos, 303, Centro.

Psicólogas
Luciana Chiste é formada pela Universidade Vale do Sapucaí (Univas) e pós-graduada em Gestão Estratégica de Pessoas e possui ampla experiência em Psicologia Clínica e Organizacional. Renata Esper é graduada em psicologia pela Universidade São Marcos (Unimarco – SP), possui pós-graduação em Psicoterapia Breve de Base Psicanalítica e Gestão Estratégica de Pessoas. Há dez anos atua com a Psicologia Clínica e Organizacional.

Estudantes do Colégio Catanduvas participam do Programa Altas Horas

0 comentários


(24/04/2015) Os estudantes do segundo e terceiro ano do Ensino Médio do Colégio Cenecista Catanduvas, acompanhados pela Diretora, Miriam Castro de Jesus; da Secretária, Ana Maria Moraes; e da Professora Andreia Yoshie Shimizu,  participaram, dia 9 de abril, da gravação do Programa Altas Horas, apresentado por Serginho Groisman, nos estúdios da Rede Globo, em São Paulo. O programa foi exibido no sábado dia 11.

Os alunos que participaram da excursão prestigiaram  diversos artistas, como por exemplo, a atriz Fernanda Souza, o cantor Naldo Benny, o ator Rafael Cardoso,  a jornalista Sônia Bridi, as duplas Henrique e Diego,  Caju e Castanha e o MC Guimé.

“Adorei participar da gravação. Quando assistimos o programa pronto, não fazemos ideia de que como é trabalhoso produzi-lo.  Ao chegarmos a Rede Globo,  recebemos as orientações dentro do ônibus, sobre merchandising e como proceder na gravação ”, relatou o estudante  José Vitor Lorenzoni Fernandes Dantes.

No final da gravação, o aluno Pablo Gomes, participou do “Show de Talentos das Escolas”, apresentando uma série de embaixadinhas que chamou a atenção do apresentador e dos convidados do programa.

Jovens são presos por tentativa de homicídio em Varginha

0 comentários


(24/04/2015) A Polícia Militar prendeu dois rapazes de 18 anos e apreendeu  uma menor de 17 por tentativa de homicídio, na noite desta quarta-feira (22), em Varginha. A vítima sobreviveu graças ao socorro imediato da equipe policial.

 Por volta das 22 horas, a PM recebeu informações de que um homem havia sido vítima de esfaqueamento na Avenida Princesa do Sul, bairro Jardim Andere, e imediatamente dirigiu-se ao local. Ao chegar, a equipe policial deparou com a vítima, de 47 anos, que estava com uma perfuração no peito e foi imediatamente socorrida pela PM ao Hospital.

Após colher informações sobre os possíveis autores da tentativa de homicídio, os policiais militares iniciaram o rastreamento pela cidade e em pouco tempo localizaram dois envolvidos, um rapaz de 18 anos e uma adolescente de 17, com um canivete de 15 cm de lâmina utilizado no crime. Eles confessaram participação no delito e foram detidos. O último suspeito, também de 18 anos, foi encontrado no Hospital, pois acabou golpeando-se ao tentar ferir a vítima.

 Ambos os rapazes foram presos em flagrante delito e a adolescente foi apreendida, pelo delito, que foi impulsionado por motivos fúteis. Eles foram conduzidos à Delegacia local, onde os autores foram autuados e a menor foi liberada.

Tem Sarau Ecoetrix na noite desta sexta-feira

0 comentários


(24/04/2015) O Ecoetrix Parquescola realiza nesta sexta-feira (24), o sarau do mês de abril..  O ‘Sarau da Simplicidade’ novamente propõe somar pessoas interessadas em cultura e entretenimento com atrações que proporcionam justamente essa mescla.

A atração musical é a banda Decibéis 6/3, de Três Corações. Thaís Gazzola vai apresentar um número de dança do ventre. Também na programação, fotografia, poesia e arte urbana.

O sarau começa a partir das 19h na Rua Domingos Pereira Braga, 75, no centro de Varginha. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (35) 3221-9537.

Termina nesta sexta prazo para inscrição no estágio da Câmara

0 comentários


(24/02/2015) Hoje, sexta-feira (24), é o último dia para os candidatos interessados se inscreverem para concorrer a uma vaga de estágio na Câmara Municipal de Varginha. A vaga aberta é para alunos do curso de Administração que estejam cursando o 5º período de Administração de Empresas ou 1º período de Administração Pública.
A carga horária para o estágio é de 5 horas por dia, com direito à remuneração e vale-transporte.

As inscrições devem ser realizadas na sede da Câmara, que fica na Praça Governador Benedito Valadares, 11, centro, no horário das 8h às 18h.

O edital foi distribuído nas instituições conveniadas com a Câmara Municipal e também pode ser encontrado no site do Legislativo: www.camaravarginha.mg.gov.br.

Mais informações podem ser obtidas diretamente na Câmara ou pelo telefone 3219-4757.

Coluna Fatos & Versões (23/04)

0 comentários


Mudar é possível! A discussão sobre a falta de investimentos da Copasa em Varginha e a eventual renovação do contrato da estatal com o município ganhou um novo “tempero” depois da decisão política e judicial envolvendo a empresa e uma cidade do oeste mineiro. Em decisão corajosa e pioneira, o prefeito de Pará de Minas (Oeste mineiro, com 90 mil habitantes e a 90 quilômetros da capital), Antônio Júlio (PMDB), rompeu o contrato da cidade com a Copasa, por falta de investimentos que garantissem a qualidade e o abastecimento de água no município.

Depois de 35 anos prometendo melhorias e investimentos sem cumprir, a Copasa (estatal de água e saneamento) saiu nesta quarta-feira (22), após uma pendenga judicial, do município de Pará de Minas, que a descredenciou e, praticamente, a expulsou da cidade por ineficiência e incapacidade de investimento.

Ainda nesta quarta-feira, o prefeito empossou a empresa Águas do Brasil, do Rio de Janeiro, após licitação, no lugar da estatal para assumir o serviço e dar respostas imediatas à falta de investimento e, principalmente, de água. O contrato com a nova empresa, que, na cidade, será chamada de “Águas de Pará de Minas”, está orçado em R$ 1,5 bilhão e, pela exploração do serviço, repassará R$ 2,5 milhões ao município. Pelo contrato, a tarifa da água deverá ser 3% menor do que a da Copasa.

Com os constantes problemas como falta de investimento e falta de transparência nas tarifas cobradas, a Copasa enfrenta questionamentos em todo o Estado, inclusive em Varginha, onde o contrato da Copasa com o município é analisado na Câmara. A decisão de privatizar o serviço da Copasa é uma realidade possível, e cada dia mais próxima dos municípios, ainda mais depois que o prefeito de Pará de Minas, Antônio Julio, se tornou o presidente da Associação Mineira de Municípios – AMM, e promete dar total apoio para que as cidades do interior do Estado cobrem os investimentos prometidos pela Copasa, ou então, que a estatal abra espaço para a terceirização do serviço, garantindo mais investimentos e melhores preços cobrados da população.

A privatização pode virar tendência! De olho no litígio encerrado na última sexta-feira, outros 56 municípios pretendem seguir Pará de Minas. Montes Claros, por exemplo, tem uma briga permanente com a estatal, mas, ao contrário de Pará de Minas, está refém do contrato.

O que a anta come? Enquanto isso, o Palácio do Planalto em Brasília abriu licitação para renovar o estoque de ração para 400 aves e 500 peixes que vivem nas residências oficiais da Presidência da República. Serão R$ 121 mil para alimentar canários, carpas, surubins e avestruzes. Isso sem falar na principal moradora do Palácio, uma “anta” que já sustentamos a alguns anos!

O luxo do lixo. A Fundação Hospitalar de Varginha contratou, sem licitação, uma empresa para realização de serviços de coleta, transporte, tratamento e disposição final de resíduos de saúde. O valor do contrato é de R$ 144 mil (contrato 127/2015). Curioso é que, enquanto na Fundação Hospitalar, o tratamento e disposição final dos resíduos sólidos causam preocupação e muita despesa, na Secretaria Municipal de Meio Ambiente, não há a menor ação para colocar em funcionamento o aterro sanitário, nem mesmo para acabar com as atividades irregulares do lixão no bairro Corcetti, que há anos recebe toda sorte de lixo da cidade. Nem mesmo as autoridades ambientais de Varginha, como Codema, Ministério Público etc, se dão ao trabalho de fazer cumprir a lei! É o caso de se apurar porque o lixo é luxo para alguns e “lero-lero” para outros!

E ai, Raimundo?! A coluna já havia comentado a respeito da briga entre a Prefeitura de Varginha, na gestão petista passada e o UNIS, envolvendo a construção de um polêmico “trevo da discórdia”, na rodovia BR 491, no trecho que dá acesso à Cidade Universitária do UNIS.

Na gestão petista, o então poderoso secretário Raimundo Zaiden se indispôs com o UNIS alegando que a construção do referido trevo seria incumbência do UNIS, por ser obra de interesse particular, ou do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens – DER/MG, tendo em vista o trecho tratar-se da BR 491, sob responsabilidade do DER/MG.

Já o UNIS, alegava que a Prefeitura de Varginha deveria construir o trevo, a fim de dar segurança aos milhares de moradores e estudantes de Varginha que transitam diariamente entre a rodovia e a cidade universitária do UNIS. Neste tempo todo, a insegurança continua imperando no local. Porem após muita negociação na atual administração municipal do PTB, o trevo da discórdia parece que vai sair do papel.

O Executivo municipal homologou a licitação 005/2015, que adjudicou a contratação de empresa para serviços na área de engenharia incluindo mão de obra, materiais e disponibilização de equipamentos necessários para execução de serviços de terraplenagem, drenagem pluvial, meio fio e calçada no entorno da via de acesso à área do UNIS, próximo ao trevo do Aeroporto.

A obra custará aos cofres públicos municipais R$ 109.630,22 (cento e nove mil, seiscentos e trinta reais e vinte e dois centavos). Mais que uma questão de Segurança Pública, pois o local está mesmo muito perigoso para motoristas e pedestres. A construção do referido trevo, pela Prefeitura de Varginha, encerra uma “questão de honra” para o UNIS, que brigou com o então “poderoso e topetudo secretário” petista, e agora vai conseguir esta melhoria para os milhares de cidadãos que passam pelo local.

Se competência da Prefeitura de Varginha, Estado ou União, isso não importa, pois a perda de vidas em acidentes no local é irrecuperável e será debitada na conta de “todas as autoridades públicas”. Já em relação a questão política envolvida, isso mostra que, nada melhor que um dia atrás do outro, para revelar que “um poderoso homem público, sempre passa, e as vezes, é ate esquecido! Mesmo que suas ordens ou boatos a seu respeito, ainda rodem pelos submundos políticos”.

A Fonte, o tempo e as mudanças! A Praça José de Rezende Paiva, popular Praça da Fonte, vai passar por mais uma obra. Desta vez, será a fonte luminosa e seu espelho d´água que serão o foco dos gastos. O Executivo municipal, por meio da tomada de preços 008/2015, vai contratar em regime de empreitada por preço global uma empresa para serviços na área de engenharia incluindo mão de obra, materiais e disponibilização de equipamentos necessários para execução das obras de reforma e revitalização de espelho d'água na praça.

Para quem lembra do auge da Praça da Fonte, seu movimento e segurança, ambiente familiar e agradável, a única coisa que ficou daquela época foi a fonte luminosa, e nem esta “sobrevivente” resistiu ao tempo, e já vai, novamente, para reforma.

Mudanças no PSD. O advogado do PSD mineiro, Guilherme Fábregas, entrou sexta-feira (17) na Justiça Eleitoral para destituir o presidente regional do partido, Alexandre Silveira, e nomear o ex-deputado Geraldo Thadeu, ex-prefeito de Poços de Caldas, que também é secretário do governo estadual petista (representante de Minas em Brasília). Além de Thadeu, será nomeada nova direção, mais alinhada ao novo governo petista estadual, mesmo que o PSD tenha apoiado oficialmente os tucanos nas eleições. A decisão partiu de Brasília, da direção nacional que é comandada pelo ministro das Cidades, Gilberto Kassab. A orientação dada há três ou quatro meses virou ordem e, agora, vai para o TRE mineiro. Como Thadeu é secretário estadual em Brasília, ele terá que se licenciar da presidência, deixando no comando interino o futuro vice, o deputado federal Diego Andrade, outro que virou a casaca e agora também apoiará o governo estadual petista, inclusive já tendo indicado nomes no governo estadual.

A mudança de comando foi acordo com o governador Fernando Pimentel pelo qual o PSD passou a integrar o bloco governista e a própria administração. Além de Thadeu, já foram indicados, pela bancada federal, nomes para a diretoria da Copasa e Loteria Mineira. Da bancada estadual (leia-se deputado estadual Fabio Cherem), houve apenas uma indicação para a Superintendência de Ensino no Sul de Minas (Campo Belo/Lavras). Tendo em vista que é 1º suplemente do senador Antônio Anastásia (PSDB), o ex-deputado federal Alexandre Silveira não é considerado confiável pelos petistas, daí as articulações para retirá-lo da presidência do PSD mineiro.

Em Varginha não se espera mudança do comando da sigla, mas a postura da legenda deve sofrer abalos, pois a principais lideranças do PSD na cidade apoiaram os tucanos e possuem ligação com o atual governo municipal do PTB, e não apresentam qualquer simpatia para apoiar o PT no atual quadro político!

Novos investimentos. A lei municipal 5.981 e licitação – tomada de preços 006/2015, publicadas no Diário Oficial municipal de 08 de abril, trouxeram a informação de dois novos e importantes investimentos em Varginha. A lei municipal 5.981 informa a negociação do município de Varginha com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar. A instituição receberá do Executivo Municipal uma área para a construção e funcionamento do Centro de Excelência em Educação Profissional de Assistência Técnica Rural. Este investimento ira beneficiar ainda mais o setor agrícola da cidade, e embora não seja um investimento direto do governo municipal, tendo em vista que o Senar é uma entidade de Direito Privado, certamente que a administração do PTB vai fatura politicamente com a obra.

Já a tomada de preços 006/2015, se refere a contratação de serviços na área de engenharia incluindo mão de obra, materiais e disponibilização de equipamentos necessários para execução das obras de implantação do Centro de Formação Tecnológica, na Rua Matheus Tavares, nº 121 em Varginha, será outro grande investimento em infraestrutura e capacitação para o desenvolvimento de Varginha.

Vale destacar que, também neste investimento, os recursos não são municipais, todavia, os dividendos políticos serão da atual administração municipal. Alias, a inércia da oposição em Varginha, tem deixado que muitas “conquistas caiam, indevidamente, no colo do governo municipal”, que politicamente faz seu papel, “apenas aparecendo na foto”, mesmo que pouco tenha contribuído com a conquista! De qualquer forma, nossa oposição municipal, liderada pelo PT, parece ter perdido sua mais antiga habilidade, a força para protestar, fazer barulho e reivindicar conquistas de seu grupo político.

Rodrigo Silva Fernandes
Advogado e articulista político da Gazeta de Varginha
Email: rodrigogazeta@bol.com.br

Feriado: 30 mortes são registradas nas estradas de MG

0 comentários


(23/04/2015) A Polícia Militar Rodoviária divulgou, nesta quarta-feira (22), que registrou 16 mortes nas estradas que fiscaliza em Minas Gerais, durante o feriado prolongado de Tiradentes. O número de feridos em acidentes chegou a 287.

Os dados da polícia mostram que, em relação ao ano passado, houve redução na quantidade de óbitos e de pessoas feridas – queda de 5,9% e 19%, respectivamente.

Neste ano, de acordo com a corporação, foram registrados 312 acidentes. Entre as principais causas, estão falta atenção ao volante (37%) e presença de animal na pista (28%).

Dos dias 17 e 22 de abril, a Polícia Militar Rodoviária fez 3.382 operações. Foram feitos 3.592 testes do etilômetro e houve 66 prisões por embriaguez ao volante.

Em Minas Gerais, a corporação fiscaliza mais de 32 mil quilômetros de estradas, entre rodovias estaduais e federais delegadas.

Trinta mortes no estado

Já a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 14 mortes nas BRs que passam pelo estado. Conforme foi detalhado pela polícia, na BR-040, quatro pessoas morreram; na 262 e 381, três óbitos foram registrados em cada local. Na BR-135, dois morreram; e na 116 e 251, uma em cada. O total de acidentes foi de 249.

OAB Varginha inaugura hoje salas no presídio e na delegacia

0 comentários




(23/04/2015) A 20ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil, com sede em Varginha, realiza duas importantes inaugurações nesta quinta-feira (23). A primeira delas será a inauguração dos Parlatórios da OAB Varginha no Presídio local, às 14 horas. Em seguida, às 16h, a entidade inaugura uma sala nas dependências da Delegacia de Polícia Civil.


Segundo o presidente da OAB Varginha, Ubirajara Franco Rodrigues, estas inaugurações representam duas conquistas em prol do advogado varginhense.

O Presídio de Varginha fica na Avenida Eugênio Paiva, Ferreira, 25, bairro Padre Vitor. A sede da Polícia Civil que vai ganhar a Sala da OAB está localizada na Praça João Gonzaga, 91, Centro.

Convênios
A OAB Varginha firmou neste mês de abril mais três convênios para o bem-estar dos advogados inscritos na entidade. Confira abaixo os novos parceiros.

- Damásio Educacional, com sede à Rua Alberto Cabre, 569, bairro Vila Pinto. A unidade Varginha concederá aos alunos regularmente matriculados nos cursos preparatórios jurídicos, fiscais e exame de ordem na modalidade telepresencial e que estejam abrangidos pelo convênio, desconto de 15% no valor das parcelas, desde que o aluno cumpra as exigências aqui estabelecidas. Para os alunos de pós-graduação, o desconto será de 10 (dez por cento), considerando as exigências citadas anteriormente. O telefone é (35) 3221-5483.

- Supera Ginástica para o Cérebro, com sede à Rua Alberto Cabre, 569, Vila Pinto. A empresa conveniada liberará o desconto de 15% (quinze por cento) nos serviços por ela prestados, no pagamento das mensalidades. O telefone de contato é (35) 3221-5483.

- Campos Ensino de Idiomas Ltda (It Works Idiomas), com sede à Avenida Rui Barbosa, 66c, Centro. A empresa conveniada liberará o desconto de 25% (vinte por cento) no valor da taxa de matrícula e 30 % (trinta por cento) de desconto no valor da parcela mensal do treinamento. O telefone é (35) 3068-6999.

Para ter acesso aos demais convênios disponibilizados pela OAB Varginha, acesse www.oabvarginha.org.br/convenios.php.